Aprenda sobre a Bíblia

Início » Artigos, estudos e dicas » 500 anos da Reforma Protestante (Parte II)

500 anos da Reforma Protestante (Parte II)

Por Diego Nascimento*

Continuação…

O teólogo francês João Calvino foi outro personagem desse cenário de revolução. Fortemente influenciado pelo movimento iniciado por Lutero, Calvino, ainda na mocidade, demonstrou em diversas situações suas habilidades na escrita e na fala. Em 1534 lançou o livro “A Vigília da Alma”, uma obra que abriu portas para uma série de publicações voltadas ao tema religioso. João Calvino faleceu em Genebra em 1564 e deixou um legado que resultou em mudanças a curto e médio prazo.

Nas primeiras décadas após a Reforma Protestante, alguns grupos religiosos iniciaram suas atividades, a exemplo das Igrejas Luterana, Reformada e Presbiteriana. Anos mais tarde surgiram outras denominações como Metodista e Batista.

Igreja Presbiteriana

No Brasil, a Igreja Presbiteriana (base Calvinista) teve início com a chegada do missionário Ashbel Green Simonton ao Rio de Janeiro em agosto de 1859. Anos mais tarde, em decorrência de um surto de febre amarela na região de Campinas (SP), a Missão Sul-Brasileira decidiu transferir a então Escola Americana, hoje, Instituto Presbiteriano Gammon para terras lavrenses.

Os registros mostram que a partir de 1897 reuniões de estudos bíblicos, ministradas pelo Reverendo Samuel Rhea Gammon e missionários, ocorriam de forma sistemática, em Lavras. Em 14 de outubro de 1911 foi organizada, eclesiasticamente, a Primeira Igreja Presbiteriana da cidade, dando origem aos trabalhos que resultaram em outras Igrejas no município e região, formando o Presbitério Alto Rio Grande (PARG).

 

  • Diego Nascimento é presbítero da I Igreja Presbiteriana de Lavras (MG).
Anúncios
novembro 2017
S T Q Q S S D
« out   dez »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
%d blogueiros gostam disto: