Aprenda sobre a Bíblia

Início » Artigos, estudos e dicas » “Espera pelo Senhor, tem bom ânimo, e fortifique-se o teu coração; espera, pois, pelo Senhor”. Salmo 27:14

“Espera pelo Senhor, tem bom ânimo, e fortifique-se o teu coração; espera, pois, pelo Senhor”. Salmo 27:14

Natalie van den Berg*

Como este versículo opera na prática? As vezes me pego pensando: Quanto tempo é necessário esperar? O que é bom ânimo?

Acredito que este versículo já começa com “Espera”, porque Deus sabe que somos seres aflitos. Preciso confessar: as vezes fico me perguntando por dentro, “mas Pai….quando vamos chegar?”.  Logo me vem a memória daquelas viagens que fazemos com os filhos quando são  pequenos para a praia ou coisa parecida. Às vezes mal saímos da cidade e então já vem aquele tão conhecido refrão: “Mas papai/mamãe falta quanto tempo? ” No início, de modo geral, damos aquelas respostas pacientes, de pais calmos e sensatos: meu filho, vamos chegar no final da tarde. ”  Mal terminou de responder, quando vem de novo: ” E agora, já estamos chegando? ”.  Geralmente isso continua sem interrupção até que pai ou mãe apela e dá uma daquelas respostas “Agora (suspiro, conta até 3), DEITA E DORME! Não quero ouvir mais nenhuma palavra ou já encostamos aqui mesmo! ” ou qualquer outra reação do gênero. Às vezes funciona, por uma meia hora….

A verdade é que se dermos a exata kilometragem para os filhos, os números de horas que vão ser gastas para chegar ao destino final, eles, ainda pequenos, não compreenderão. Apenas podemos dizer, “Meu filho, minha filha, temos ainda uma longa viagem. Deita. Dorme. O papai avisa quando chegarmos lá.”

No entanto, não é que agimos como nossos filhos com o nosso Pai do Céu? “Pai… e agora, faltam quantos minutos? Já estamos chegando lá?”. Mesmo que Deus nos desse a hora exata em que alcançaríamos o nosso destino, possivelmente ainda assim, não teríamos a compreensão. Então Deus, quem sabe virando para trás na direção, com uma mão no nosso ombro ou joelho, e com um olhar de firmeza e ao mesmo tempo de amor, nos diga apenas (parafraseando aqui): “Minha filha…Meu filho.. Espera em mim, seu Pai. Tenha bom ânimo.” Talvez ele possa até dizer, “Olha, iremos chegar. Agora, se acalme, fortaleça seu coração. Estou aqui. Estou na direção. Agora descanse, pois quando estivermos lá, irei te avisar.” Na verdade, no versículo, após ser dito para ter bom ânimo e fortalecer o coração, novamente se repetem as palavras: “…espera, pois, pelo Senhor.” Tenho a impressão, que como nossos filhos, Deus tem consciência da nossa compreensão limitada do tempo, e dos aspectos logísticos da jornada existencial, assim, logo ao final, Ele repete como para nos encorajar: “Espera…deixa comigo.”

Não sei em que momento da jornada da vida você ou sua família estão. Quem sabe, parece que não chegarão nunca ao destino. Nessas horas, sei por mim, que começo a me desesperar e a querer tomar a direção nas minhas próprias mãos. “Quem sabe tento isso ou aquilo?” Até que em determinado momento, concluo, que não tenho mais forças. Não tenho noção do tempo. Há coisas que são grandes demais para mim. Me desfaleço e quero me prostrar (se é que não faço exatamente isto). Mas creio em um Deus, Pai, Todo Poderoso, que sabe que não tenho noção da distância ou dos desafios que estão por vir, que me alisa o cabelo e diz: “Filha, espera. Tenha bom ânimo. Fortifique seu coração. Eu estou no controle da sua vida e tenho o mapa do que se passa. Confie em Mim. E chegando vou ser o primeiro a te avisar.” Que essas palavras hoje, possam trazer descanso para seu coração. Agora, se ajeite, deite um pouco aí no banco de trás. Pois o seu pai está na direção.

  • Natalie é psicóloga e membro da I Igreja Presbiteriana de Lavras (MG).
Anúncios
maio 2017
S T Q Q S S D
« abr   jun »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  
%d blogueiros gostam disto: