Aprenda sobre a Bíblia

Início » Artigos, estudos e dicas » Um atalho muito, muito perigoso

Um atalho muito, muito perigoso

Por Diego Nascimento*

“Entrega teu caminho ao Senhor, confia NELE e o mais ELE fará” é parte da ala introdutória do capítulo 37 do livro de Salmos. Essa orientação de Deus tem caminhado comigo desde a adolescência e posso atestar, por meio de experiência própria, como a soberania DELE pode transformar a escuridão em luz, a enfermidade em cura e a depressão em esperança. Mas existe uma longa jornada entre a leitura dessa promessa e a confiança que precisamos depositar em Nosso Senhor. Tentando assumir o tempo do Criador muitas pessoas optam por entregar o caminho ao “destino” e, na busca pela rota certa, acabam entrando por um atalho perigoso, traiçoeiro e implacável.

Esse dilema antecede aos registros do livro de Salmos. No capítulo 16 de Gênesis encontramos Sarai, esposa de Abrão, fazendo uso da impaciência e entregando sua serva Agar para que o marido a engravidasse. O mais triste nessa história é que tanto Abrão quanto Sarai foram avisados por Deus que ambos dariam início à uma grande nação. Tentando “dar um jeitinho” e nadando na piscina da ansiedade, Sarai foi o pivô de uma história que trouxe sérias consequências.

Será que por algum momento agimos como a mulher de Abrão? Mesmo que tenhamos anos e mais anos de frequência à Igreja optamos por descansar em Cristo? Fazemos das promessas bíblicas uma lembrança vaga ou chamas ardentes em nosso íntimo? Estamos, de fato, prontos a entender que nosso coração pode fazer planos, mas que a resposta certa vem de Deus?

Sei de pessoas que manifestam perplexidade e cansaço ao buscar soluções para as mais diversas questões da vida. O que falta entender é que enquanto corrermos atrás de saídas por nós mesmos, insistindo no erro por meio de escolhas explicitamente equivocadas, sempre teremos desilusões, lágrimas e armadilhas para o convívio social.

Minha recomendação? Abrir mão do orgulho e deixar cada pedaço de nossa história nas mãos Daquele que é o mesmo ontem, hoje e sempre. Encerro fazendo uso das palavras de Jesus no livro de Mateus, capítulo 11, versos 28 a 30: “Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso. Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas.

  • Diego Nascimento é presbítero da I Igreja Presbiteriana de Lavras (MG).
Anúncios
fevereiro 2017
S T Q Q S S D
« jan   mar »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728  
%d blogueiros gostam disto: